As Vozes do Oceano

Você é um pé de milho ou um carvalho?

O Tao nos ensina a dominar a nossa impaciência, a trabalhar com os ciclos.
Nossos projetos, como as sementes que plantamos, têm diferentes estações.
Alguns crescem, rapidamente.
Outros demoram mais para germinar, e mais ainda para dar frutos.
Nem toda a impaciência do mundo modificará o processo.

Nossas vidas também têm seus ciclos. Algumas pessoas são de rápida florescência, chegam ao ponto culminante ainda na escola secundária e no começo dos vinte anos.
Crescendo como pés de milho nos dias quentes do verão, chegam ao momento da ceifa numa curta temporada.

Outros crescem mais devagar.
Observando os pés de milho subirem acima deles, muitas vezes desanimam, imaginando se colherão algo de valor.

Enquanto um pé de milho é ceifado numa curta estação, um carvalho leva anos para amadurecer. Mas, depois, eleva-se acima do milharal, com os galhos estendendo-se para o céu e dando frutos por muitas estações.

Trecho extraído do excelente livro de Dianne Dreher, O Tao da Paz.

Aloha!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s